fbpx

A importância das ações de empresas para aumentar a diversidade racial

Tempo de leitura < 1 ”minutos” minutos

“O racismo está em toda parte no Brasil. Na violência policial de cada dia, que escolhe o alvo de acordo com a cor da pele. Na televisão, amplamente dominada por brancos. Nos eventos sociais, em geral marcados pela segregação entre pessoas de cútis diferentes. Seja onde for, a praga do racismo produziu ao longo dos tempos uma separação vil, torpe e pavorosa entre pessoas que são, essencialmente, iguais. No mercado de trabalho, o preconceito contra pretos é visível a olho nu. Basta dar uma espiada no ambiente profissional para notar que, salvo exceções, os negros raramente ocupam as melhores posições.

Em uma nação como o Brasil — e em muitas outras — é mais ou menos assim que as coisas funcionam. Por isso mesmo, iniciativas que nascem para romper a estupidez da intolerância racial costumam provocar fortes reações. Foi assim com o Magazine Luiza, que anunciou no fim de semana passado a criação de um programa de trainees voltado exclusivamente para negros, com salário de 6 600 reais e benefícios como bolsas de inglês. A empresa foi atacada nas redes sociais, mas manteve-se firme na proposta que ajudará a combater umas das mais antigas mazelas nacionais”.

 

Leia a matéria na íntegra em: https://veja.abril.com.br/economia/a-importancia-de-acoes-em-empresas-para-aumentar-a-diversidade-racial/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conheça o livro de Rachel Maia: Meu Caminho até a Cadeira Número 1